ALESP – REFORMA PREVIDENCIÁRIA

         “Depois de muitos discursos, de brigas entre deputados, briga com o Presidente Cauê, enfrentamento com a galeria cheia e corredor lotado, o líder do governo, deputado Carlão, acertou com os líderes, e a votação foi adiada para o 3 de março.

         Imagino que chegaram a isso por dúvidas sobre o governo ter os 57 votos necessários para aprovar em segundo turno.

         Foi mais uma vitória dos servidores que compareceram na ALESP, e os que entraram em contato com os deputados pessoalmente ou por mensagem.

         Ganhamos mais um prazo e temos que aproveitar para continuar a conversar com os deputados que voltaram as suas bases em razão do carnaval.”

 

VAMOS À LUTA. SOMOS FOGO QUE NÃO SE APAGA

 

JOSÉ GOZZE

Categoria: Destaques
Acessos: 179

© Telefones: São Paulo: 3111-9300 (Capital) - 0800-0140006 (Interior).